Palmeira

[Palmeira%20dos%20Índios][bsummary]

Viagens

[Viagems][bleft]

Vídeos

[Vídeos][twocolumns]

Curiosidades

[Curiosidades][bsummary]

EM ALAGOAS, TERRA DE COLLOR E CALHEIROS, QUEM FALA MAL DE POLÍTICOS… MORRE!

O blogueiro do município do Pilar, Antônio Victor Lopes, de 24 anos, foi atraído para um suposto encontro amoroso e lá foi assassinado a tiros. A informação foi repassada à imprensa pelo secretário de Estado da Segurança Pública, Alfredo Gaspar de Mendonça Neto, na manhã desta segunda-feira (26). O crime aconteceu na madrugada do último sábado e chamou a atenção das autoridades já que a vítima tinha um perfil nas redes sociais por meio do qual fazia denúncias sobre desmandos políticos.

De acordo com o secretário, Victor recebeu um convite para um encontro, marcou e decidiu ir. No entanto, no local ele foi trucidado. O corpo dele foi encontrado nas primeiras horas da manhã do sábado com várias marcas de disparos de arma de fogo. Há mensagens encontradas pela polícia que comprovariam a marcação do encontro, que, na verdade, seria uma emboscada.

Dois delegados foram designados para acompanhar de perto o caso, além de vários policiais, inclusive do serviço de inteligência. O governador Renan Filho (PMDB) utilizou as redes sociais no fim de semana para informar que tinha determinado a investigação rigorosa acerca deste homicídio. E citou a nota, encaminhada pela direção do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Alagoas (Sindjonal), que tratava sobre liberdade de expressão, repudiava o assassinato e cobrava a elucidação urgente.

O caso


De acordo com informações de populares, repassadas ao 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM), o corpo de Victor foi localizado por volta das 11h do sábado, quando guardas municipais que estavam de plantão no local acionaram a guarnição do Grupamento de Polícia Militar (GPM) do município.

Segundo a polícia, o blogueiro sempre criticava a política local, no caso, os ex-prefeitos da cidade. Por ter esta postura, Victor era tido como uma pessoa polêmica, visto que chegou a criticar administrações do município, sempre utilizando o espaço que tinha nas redes sociais.

Militares efetuaram rondas na região, na tentativa de localizar os possíveis autores do crime, porém, não obtiveram êxito. A caçada continua, conforme garantiu o secretário de Segurança Pública.

Fontes: Gazeta Web

Nenhum comentário:

Vídeos da Web